Procure fazer o Bem



Não podes acusar o teu irmão, por aquilo que não viste
Quem comete falso testemunho, o seu fim é sempre triste
A consciência sempre acusa, sem cobrar tudo não desiste
Para quem faz o mal neste mundo, nenhuma paz mais existe

Procure fazer o bem, na vida o mal não faça
Não tire a paz de ninguém, nunca provoque desgraças
O que fizeres para o teu irmão, em dobro para ti volta
Cuide bem da tua casa, para o mal não abra a porta

A casa é o teu corpo, a porta o teu pensar
O que estás pensando agora, só falta materializar
Se for para o mal, não faça, deves de Deus te lembrar
Que está em toda parte, e também onde tu estás

Todos os atos que praticas, Ele vai observar
Se é o bem só acumulas, Bagagem Espiritual
Se for para o mal não faça, para nunca macular
Faça o bem para seres feliz, porque a recompensa virá

Faça só bons pensamentos, use a Consciência Divina
Não deixe te conduzir, pelas pessoas malignas
Por aquelas que perderam o amor, não perdoam e caluniam
Aquelas que com suas maldades, a seus irmãos sacrificam...

Escute atentamente quem te fala, e busque toda Verdade
Deixe para te decidir, depois que o exemplo fale
Para que não te iludas e ninguém nunca te traia
A Verdade sempre vence, as vezes tarda, mas não falha

Não confie no amigo, que faz tudo para te agradar
Confie em quem é justo, que faz para te ajudar
Que em nenhum momento da vida, deixou de a Verdade mostrar
Que não faça o que queres, mas sempre o que precisar

Não confie nos falsos, que materialmente procuram te agradar
Confie sempre naqueles, que procuram espiritualmente ajudar
Quem materialmente te ajudou, podes muito caro pagar
Quase todos os materialistas, costumam em dobro cobrar

Otirípse Otnas – Espírito de Luz

O que eu mais gosto de fazer e me da muita alegria é o bem para as pessoas.
E você tem feito ou procurado fazer o bem?

14 comentários:

  1. Tudo o que está escrito nesse lindo texto, é a mais pura verdade.
    Devemos fazer o bem sempre.
    Lindo Lady, lindo.

    ResponderExcluir
  2. Bem que as pessoas poderiam levar mais a sério escritos como esse.

    Conheci uma pessoa que dizia seguir a doutrina espírita, mas era claramente perceptível que o fazia apenas superficialmente. Tratava-se de alguém cheia de julgamentos, preconceitos e muita, muita inveja.

    Uma coisa que tem me incomodado profundamente, a ponto de às vezes sentir-me revoltada, é a questão do preconceito. Preconceito a tudo: gays, tatuados, negros, prostitutas, deficientes, pobres, dançarinas do ventre, tudo. Coisa mais feia alguém preconceituoso! Que julga, fala mal e sequer conversou com a pessoa.

    Uma sociedade decadente é sinônimo de uma sociedade preconceituosa.

    ResponderExcluir
  3. Lady,
    Muito obrigada por acompanhar meu blog, seja sempre muito benvinda!
    Beijos, parabéns pelo blog e pelos textos lindos e cheios de verdade.
    Fique com Deus.

    ResponderExcluir
  4. Que belo poema!
    Obrigada por acompanhar meu blog! Seja sempre bem vinda! Bjos na alma!

    ResponderExcluir
  5. Nossa que texto lindo, admirei mesmo sendo evangélica, o o amor deve estar no coração de todos independente das religiões.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  6. FAzer o bem, socorrer o nosso semelhante sempre nos eleva a alma e nos faz crescer com ser humano...um beijo e um belo dia pra ti.

    ResponderExcluir
  7. Com certeza Anônimo, sempre!

    **Gi**, infelizmente existem pessoas que fingem ser o que não são, e se esquecem que estão sendo vigiadas.
    Odeio preconceito também.Torço para que em um futuro não distante não exista isso mais.

    Elaine, obrigada pela visita e volte sempre!

    Reyel Angel, obrigada e seja bem vinda!

    .Fernanda., o amor é um sentimento universal, volte sempre!

    Everson Russo, sábias palavras como sempre, obrigada por sempre estar aqui no meu cantinho.

    Um beijo no coração de todos e um dia recheado de coisas maravilhosas.

    ResponderExcluir
  8. Faça o bem!!

    Quanto poder tem fazer o bem? Alguém já parou pra pensar nisso? Quando crianças, sempre escutamos nos desenhos animados e filmes: "O Bem sempre vence!". Então deve ser realmente incrível o poder do Bem!

    Só que isso em relação ao outro ser humano tem uma vestimenta muito complexa, e vou tentar explicar uma parte disso.

    Desde os tempos remotos, os seres humanos sempre vieram tentando mostrar sua superioridade entre eles mesmos. E uma forma de realizar esse ato? Fazendo o Bem! Isso mesmo!

    Observem a sensação de bem-estar quando fizerem uma boa ação. É a sensação de poder surgindo dentro da gente, provando pra nós mesmos que somos melhores que a pessoa a quem estamos ajudando.
    Isso acontece inconscientemente.
    É como Nietzche diz em seu livro "Assim falou Zaratustra": 'Alguns não conseguem afrouxar suas próprias cadeias e, não obstante, conseguem libertar seus amigos.' Só podemos dar uma coisa que possuímos! Será que podemos nos ajudar antes de ajudar os outros?
    Vejam bem. Não estou dizendo para deixar aquela velhinha atravessando a rua ser atropelada, mas estamos deixando de evoluir, de sermos pessoas realmente boas, se nos apegarmos ao bem que estamos fazendo em troca daquela sensação de "poxa, eu vou ser bom para ela e estará grata pelo que eu fizer!". Resumindo... a pessoa que recebe a ajuda fica em débito com a quem a auxiliou. Mesquinharia...
    Se for ajudar alguém, tenha certeza de que a trará ao seu nível de discernimento, que a fará ver as coisas de um modo diferente.
    Assim seremos seres humanos melhores, ou como queria Nietzche com sua filosofia, homens supremos!


    Bjo!

    ResponderExcluir
  9. "Gambas" disse:
    "Observem a sensação de bem-estar quando fizerem uma boa ação. É a sensação de poder surgindo dentro da gente, provando pra nós mesmos que somos melhores que a pessoa a quem estamos ajudando."

    Lady pergunta:
    Como assim poder?
    Eu não me sinto poderosa quando ajudo alguém que está passando por uma necessidade, ao contrário, eu me sinto feliz e realizada.
    Por exemplo, um simples ato de fazer o bem, ceder o lugar a um idoso no trem ou onde quer que seja, isso não vai fazer com que ele esteje em débito comigo, pois é uma questão de respeito e consciência que muitos marmajos não o fazem, mas eu faço.
    Quando eu faço o bem, não me importa se a pessoa estará grata ou não, eu fiz a minha parte e ponto.
    Eu sei que existem pessoas que agem como você disse "Gambas", mas não são todos, ainda bem né?
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Então, Brenda! Você é uma das pessoas, que conheço, que não agem dessa forma e provavelmente chegou nesse patamar usando introspecção e são pessoas dignas de apreciação.
    Todos nós passamos por isso alguma vez na vida, mas a diferença está no apego, no valor que se dá a sensação de poder que ajudar alguém gera.
    Esse "poder" se encontra na atitude de submeter a pessoa à sua vontade através da ajuda.
    Poder!!!
    Um exemplo escracho mas não fora do que quero dizer é: compra de votos!! Saco de arroz para os pobres e em troca um voto ou vários.

    Outro exemplo: é terminado um relacionamento, e aparece aquele ombro "amigo", que na verdade quer é ter um relacionamento com você e acaba se aproveitando da situação frágil que a pessoa se encontra, utilizando as informações que conseguiu a seu favor.

    Podemos dizer que há pessoas no meio termo da idéia, no ápice e na base.
    No ápice, a pessoa vive disso. São os famosos "bons de lábia", malandros, etc.
    "Meio termo", são pessoas que aprenderam a se sentir bem fazendo o bem, e assim trazem pessoas para perto dela e as transformam de modo que sejam também parte do "meio termo".
    Os da base são aqueles que geralmente se ferram por ajudar alguém, e continuam se ferrando. Já fiz parte desse grupo...eu deixei que me tomassem muito tempo e muita coisa.

    PS: olhem para o Superman! Ele é "meio termo"!
    Olhem para o Spider-man... ele é da base...perdeu tudo, está na merda, mas continua nessa, coitado!
    E do ápice? O Coringa do Batman!

    NOTA MENTAL: Aprender a organizar meus pensamentos! WHAUWhuaHWuAHW!!!

    ResponderExcluir
  11. Oi Lady, primeiramente obrigado por sua presença lá no Verseiro, voltes sempre...
    Seu blog pelo que vi...bastante diversificado e bastante interessante os assuntos abordados...
    Confeso que já fui muito mais ativo no sentido de ajudar as pessoas, quando era mais novo então a palavra e a ação solidariedade fez muito mais parte da minha vida do que hoje...
    Acho legal ajudar materialmente também pessoas que necessitam...isso não tenhofeito mais com tanta frequencia,acho que fiquei mais egoista...rsrs...depois que se tem filhos a visão muda um pouco...mas ajudar,dar atenção, ter uma palavra sempre amiga, isso é uma constante dentro do meu coração e da minha alma...
    Bem...to te conhecendo um pouco hoje, mas mesmo assim vou deixar convite ok...lá vai...rs

    Vamos a parte colada...rs

    Mudando de assunto, eu agora te convido a participar do aniversário de três anos do Verseiro, no dia 26 de janeiro.
    A idéia é que cada um que queira participar, faça uma postagem colocando uma foto sua quando criança ou adolescente junto a irmãos, primos ou amigos e conte alguma passagem de sua vida nessa época, alguma travessura, algum fato que marcou em sua memória de forma alegre, engraçada...rs
    Vamos comemorar e sorrir juntos...
    Conto com sua presença, mas fique a vontade quanto a fazer sua postagem ou não ok...

    “O passado não reconhece seu lugar
    Está sempre presente”

    Mário Quintana

    Um abraço na alma...bjo

    ResponderExcluir
  12. Eu entendi o que você quer dizer "Gambas", conheço muito bem esse tipo de pessoa que gosta de se aproveitar da fragilidade dos outros pra tirar proveito.
    Eu tenho uma missão nesse mundo, eu sabia.
    Já passei necessidades e sei muito bem o valor das coisas.
    Sei o valor de um sorriso, de momentos, da amizade verdadeira, do amor sincero de tudo o que hoje em dia as pessoas não estão mais nem aí.
    Organize os pensamentos, seu desorganizado. hehehehe, brincadeirinha.
    Bjão

    Elcio, claro que participarei do aniversário do Verseiro, obrigada pelo convite e pela visita.
    Volte sempre!
    Beijo no coração

    ResponderExcluir
  13. "Fazer o bem sem olhar a quem".

    Realmente fazer o bem não é muito comum hoje em dia, a não ser o bem próprio, embora o conceito de fazer o bem é relativo, o que voce acha que esta fazendo de bom pra alguem pode não ser realmente bom na realidade, mas como a pessoa que o faz se sente realizada, pra ela é o bem....
    Outra coisa que não tentendo também é: Por quê, na maioria das vezes em que se tocado o assunto fazer o "bem" sempre tem um arelação com raça étnica, por exemplo, alguém de pele branca bonsinho fazendo algo pra alguém de pele negra desamparado, ou pelo bom português, um branco bem de vida ajudando um preto lascado? Essa e outras coisas que vemos no dia a dia é o que nos faz distinguir o verdadeiro bem, do "bem modismo", pra se promover, pra alguém ou pra si próprio, devemos prestar atenção nisso e prourar em nós mesmos que tipo de "bem" fazemos.

    Belo poema, Lady, e obrigado pelo espaço.

    ResponderExcluir
  14. Você tem razão caro Eduardo, rs, e tocou em um ponto muito importante, mas que nem sempre é abordado.
    Fazer o bem sem olhar a quem esse deve ser o lema de nossas vidas.
    Antes tarde do que nunca né?
    Adorei seu ponto de vista.
    Obrigada pela visita e volte sempre.

    ResponderExcluir

Que bom que você veio, fique à vontade!
Seu comentário é muito importante para mim!
Deixe seu link para que eu possa retribuir sua visita.
Se me seguir ou linkar, me avise! Gentileza gera gentileza.
Beijo carinhoso.



.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Femme Digital - 2016. Todos os direitos reservados.
Personalizado por: Regiane Leite - Programação - Emporium Digital-.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo